terça-feira, 31 de maio de 2011

Trem do Pantanal

Dessa vez nossa viagem teve duração de 2 dias e pode ser chamada mais de um passeio...passeio do Trem do Pantanal!
Saímos da estação ferroviária de Campo Grande às 7h30 e desse vez quase que a "locomotiva" perde o trem...rsrsrs...o Gilvan chegou no último minuto quando já estávamos todos acomodados conforme a numeração de cada um no bilhete de embarque. O trem faz um percurso de 220 km até Miranda-MS.


Os horários de saída do trem são:
Sábado: Campo Grande -> Miranda
Saída de Campo Grande - 7h30
Chegada em Aquidauana - 12h30
Saída de Aquidauana - 15h
Chegada em Miranda - 18h

Domingo: Miranda -> Campo Grande
Saída de Miranda - 8h30
Chegada em Aquidauana - 11h30
Saída de Aquidauana - 14h
Chegada em Campo Grande - 19h15

Os valores são:
Campo Grande -> Aquidauana
Criança: R$ 28,60
Adulto: R$ 61,00

Aquidauana -> Miranda
Criança: R$ 19,80
Adulto: R$ 39,00

Campo Grande -> Miranda
Criança: R$ 37,40
Adulto: R$ 77,00

Durante a viagem vai um guia "bombril", ele mostra os atrativos, conta histórias, explica o significado do nome dos lugares, faz o serviço de bordo, vende camisetas e chapéus do trem e ainda é DJ!!! Só faltou ser o maquinista...ahshuasuha
O Noredim, nosso guia, logo no início da viagem serve um kit lanche composto por: um mini-bolo, um pacotinho de bolacha de água e sal, uma barrinha de cereal, um pacotinho de amendoim salgado acompanhado de água ou refrigerante e uma sacolinha de plástico, só não sei se é para depositar o lixo ou para ser usada em caso de enjôo =X
Vagão Bar
Além do vagão turístico, o trem possui um vagão bar, onde vende-se café, salgadinhos, bala, água, refrigerante, cerveja e 'rola' música ao vivo (de excelente qualidade). O músico também é "mil e uma utilidades", além de cantar e tocar, é DJ do vagão bar e ainda anima a galera fazendo várias apresentações, fantasiado. O personagem Zé Cateto faz paródias com músicas atuais utilizando os bichos e a natureza do Pantanal como tema, inclusive nas piadas.
O trem alcança a velocidade de até 32km/h. A primeira parada, de 15 min, é ná estação de Piraputanga, onde vimos apenas alguns artesanatos para comprar e aproveitamos para tirar algumas fotos.
A parada pro almoço é feita em Aquidauana onde na própria estação há um restaurante, mas também, há outras opções na cidade.
Após sairmos de Aquidauana, há uma parada na estação de Taunay, também de 15 min e o atrativo é o artesanato dos índios Terena.
Depois só paramos no nosso destino, Miranda, do qual a Lucilene do Pantanal Hotel, estava nos aguardando. Precisamos fazer três viagens para levar toda a galera ao hotel. Estávamos em 13 pessoas (eu, Daniel, Judite, Adeni, Aline, Isis, Gilvan, Eli, Nicole, Neide, Ana, Carol e Claudio).
Logo depois de nos acomodarmos, saímos para comer algo na Afonso Pena, que segundo a Lucilene, tem o melhor lanche da cidade, que vai até gente de Aquidauana para comer! Ela também deu a sugestão do restaurante Zero Hora, mais próximo do hotel e bom para tirar foto, mas é claro que não perderíamos a chance de comer o melhor lanche da cidade e ainda na Afonso Pena! hehe
O hotel, tem disponível: duas piscinas, uma mesa de sinuca e uma de ping-pong.
No domingo, pulamos todos cedo da cama, afinal, o trem partiria às 8h e o café da manhã começa a ser servido às 6h...
Na estação, todos prontos...
Zé Cateto animando o vagão turístico
"Eu vou andar trem,
Você vai também
Só falta comprar a
Passagem do velho trem
Passagem do velho trem
PAROU!
PAROU!
MÃOZINHA PRÁ FRENTE
MÃOZINHA PRÁ FRENTE
e tchu tchu tcha
e tchu tchu tchá
e tchu tchu tchá
tchá tchá..."

Antes de voltar, o Daniel e o Gilvan ficaram 'zoando' dizendo que o trem voltaria de ré, e não é que é verdade!!! Ele apenas vira as poltronas para não voltarmos de costas, mas a locomotiva (que dessa vez não era o Gilvan...rsrs), que puxa o trem na ida, é desengatada em um trilho paralelo e deslocada para o outro lado, sendo rebocada ao invés de puxar o trem.
Meus Deus!!! Que complicação!!! Quem leu e não entendeu isso é melhor nem tentar entender!!!

Na volta chegando em Aquidauana, o Gilvan resolveu abandonar o trem e levou com ele, a Isis (mãe dele) e a Aline!!! Ainda vou contar pros seus filhos que você não aguentou um trenzinho a 32km/h!!! huahsuhaushauhusa
Alguns ainda tentaram acompanhá-lo mas eu e o Daniel fomos persistentes em convencer a galera a continuar a viagem que teve Imagem & Ação e até bingo pra animar o povo!!!
Aliás! A tripulação do Trem do Pantanal está de parabéns, pois foram empenhados em alegrar a todos mesmo quando já estávamos cansados, sempre inventando uma piada nova, um assunto ou brincadeira.
Às 19h15 desembarcamos na estação ferroviária de Campo Grande, encerrando assim nosso passeio do fim de semana no Trem do Pantanal.

Veja o vídeo:


Clique aqui para ver todas as fotos da viagem!

Abs,

Guadalupe e Daniel

2 comentários:

  1. lendo todos esses detalhes...vivi novamente a viagem de TREM!... a qual gostei muito...tudo era novidade...até as velhas piadas do Zé Cateto. O guia era tão bom, que nos convidou a voltar em outra estação do ano...pois ai sim !...iremos ver os animais do PANTANAL. Desta vez ficamos com aquele ninho de Tuiuiú...aquele láaaaaa.A onça passou tão rápido que nem deu pra ve-la muito menos pra tirar uma foto.

    ResponderExcluir
  2. Super legal!
    Divulguei no face!
    Beijos!
    Pri Matayoshi

    ResponderExcluir